Logística

Saiba mais sobre picking e packing na logística do seu e-commerce

Entenda melhor os conceitos que chamamos de picking e packing.

Stokki

02 de agosto de 2022

Sabemos que quando se fala em e-commerce, a logística é um fator determinante. Afinal, a partir de bons processos é possível alcançar resultados excelentes e garantir a satisfação dos clientes. Por isso, é importante analisar cada etapa da venda, desde a qualidade do produto até a forma como ele chega ao consumidor. E é justamente nesse momento que entra o que chamamos de picking e packing. Para entender melhor sobre esses conceitos, continue a leitura!

Entenda o que é picking e packing

Em uma rápida tradução para o português, os termos picking e packing significam separar e embalar, respectivamente. A partir disso, começamos a entender a importância desses processos na logística de uma loja online, não é? Quando um cliente efetua uma compra virtual, ele deseja receber seu produto de forma ágil, rápida, segura e eficiente. Por isso, os processos de separação no estoque e embalagem para o envio são importantes. 

Para entender melhor como funciona cada uma dessas etapas, vamos pensar no momento exato da venda. Assim que o consumidor realiza a compra e o pagamento é aprovado, o sistema identifica a venda e inicia o processo de separação dos produtos. Isso envolve desde a emissão da nota fiscal até a separação do produto em estoque e a revisão do pedido. Ao saber disso, é fácil entender como o picking influencia no processo do e-commerce, não é?

Entendendo o que é picking

O picking está relacionado à agilidade de toda a logística, influenciando no desempenho e na produtividade do setor. Se o processo de separação for demorado, as etapas seguintes sofrerão atraso. E, como resultado, o produto poderá demorar a chegar ao comprador. Dessa forma, o picking auxilia na satisfação do cliente, evita reclamações, aborrecimentos, cancelamentos e devoluções de produtos.

Existem alguns métodos de picking que podem ser implementados de acordo com o modelo da loja virtual. Os diferentes sistemas de picking foram desenvolvidos com o objetivo de aumentar a produtividade e reduzir o tempo de separação de pedidos nos armazéns. O modelo ideal varia de acordo com o tamanho, a variedade e o tipo de estoque de cada empresa.

Alguns dos processos mais comuns são:

Picking discreto: É a forma mais simples de separar o pedido, porém a mais demorada. No picking discreto, cada operador separa um pedido por vez. Esse sistema é mais comum em armazéns e centros de distribuição de pequeno e médio portes.

Picking por zona: Nessa forma de separação de pedidos, a área de armazenagem é dividida em zonas e para cada uma há um grupo distinto de operadores responsáveis. Caso o pedido se complete em uma zona, já é encaminhado diretamente para a preparação. Caso falte algum item, o pedido é entregue na próxima área, para que os responsáveis acrescentem o que está faltando. Essa é uma estratégia muito utilizada para quem trabalha com uma grande variedade de SKUs e com alto volume de vendas.

Picking por lote: Nesse sistema, o operador espera acumular um certo número de pedidos para começar a coleta de diversos produtos em uma única vez e, assim, otimizar a sua rota. Por minimizar o número de deslocamentos, é uma estratégia que se destaca em agilidade, mas exige atenção redobrada para evitar erros. O picking por lote é mais recomendado para quem trabalha com pedidos que envolvem baixa diversidade de mercadorias por caixa.

Picking por onda: Aqui, a organização dos pedidos é feita partindo de duas condições: o agrupamento de pedidos conforme determinadas características logísticas (tipo, rota, prioridade, composição…) e o agendamento da coleta desses pedidos, em ondas, por operador. Depois de realizar uma onda de coleta, os produtos separados são encaminhados para a área de preparação e consolidação. Esse tipo de picking é ideal para empresas que conseguem programar os pedidos, trabalham com prazos controlados, com cargas leves e uma alta variedade de SKUs.

E o packing, você sabe como funciona?

Após o processo de picking, tem início a etapa de packing. Os produtos que foram vendidos e separados anteriormente começam a ser preparados para o envio. Nesse momento, uma equipe fica responsável por embalar cada item, selecionando o tipo de embalagem para cada tamanho de mercadoria. Também é durante o packing que se realiza a etiquetagem do pedido e os itens passam por um rigoroso controle de qualidade. 

É fundamental que a mercadoria seja embalada de forma cuidadosa, priorizando a segurança dos itens. Afinal, nenhum lojista deseja que seu produto chegue com avarias ao consumidor, não é? Muitas lojas trabalham com embalagens personalizadas, utilizando-a como parte da estratégia de marketing e posicionamento de marca. Com todos os cuidados no momento do packing, consegue-se criar uma excelente primeira impressão tão logo o item é entregue ao cliente. E isso, certamente, influencia na satisfação final.  

Então, qual a importância do picking e packing?

Agora que você entendeu como funcionam os processos de picking e packing, fica mais fácil compreender a importância que eles têm para o e-commerce, não é? Eles estão totalmente relacionados com a eficiência, a qualidade, a boa imagem da empresa e a satisfação do cliente. Quando essas etapas estão bem estruturadas e os processos internos definidos, a empresa ganha em agilidade, tornando mais rápido tanto o momento da separação, quanto o envio do produto para o seu consumidor. 

Resumindo, picking e packing colaboram para que o cliente tenha uma experiência positiva. Eles também auxiliam na construção de uma boa imagem do e-commerce no disputado mercado virtual. Por isso, esteja sempre atento a todas as etapas de logística da sua loja online e conquiste resultados cada vez melhores! 

Para ficar por dentro de mais conteúdos como este, acompanhe o blog da Stokki. Por aqui, temos as melhores soluções logísticas para o seu negócio. Entre em contato agora mesmo e saiba mais!

Compartilhe:

Os comentários estão desativados.

Assine nossa newsletter

Quer receber conteúdos como estes em primeira mão? Assine a newsletter da Stokki e receba informações exclusivas sobre fulfillment, armazenagem, logística, gestão e muito mais